Bottom Article Ad

FALTA DE SINALIZAÇÃO E RECUPERAÇÃO DE ESTRADAS, DISTANCIA TURISTAS DOS ATRATIVOS TURÍSTICOS DE BOM CONSELHO

Cachoeira de Antônio Vitório - Bom Conselho/PE

Você já ouviu falar na Cachoeira de Antônio Vitório ou Cachoeira do Tamanduá ou Cachoeira das Queimadas? Acredito, que pelo o menos uma vez, já ouviu. Agora, se ainda não conhece, são outros quinhentos...

Em dois vídeos rápidos você conhecerá um pouco mais.

A partir da saída de Bom Conselho, existem três acessos para chegar até a referida cachoeira.

Um, pela PE-218 e depois pela VPE-240 e depois do mercado de Zé de Araci, na estrada de Rainha Isabel, entra-se a direita e segue por 05 km até o povoado de Queimada, depois segue em frente por mais uns 03 km até a cachoeira de Antônio Vitório.

Dois, indo direto ao distrito de Rainha Isabel pela VPE-240 e depois, próximo ao único posto de gasolina do distrito segue sentido povoado de Queimadas e depois por mais 03 km segue para a cachoeira. Por esse acesso percorre-se uns 18 km.

Três, o mais fácil e mais perto, é pela AL-115 (sentido serra das Pias), antes do posto fiscal desativado, entra para a fazenda Boa Sorte, basta seguir em frente (por 05 km) e depois entrar duas vezes a esquerda que já vai vendo ao longe o grande lago da Barragem do rio Bálsamo. Não tem como errar. Vai sair direto nos Sem Terras.


Ambos os acessos podem ir de carro ou moto. O difícil é você encontrar as estradas do lado de Bom Conselho em bom estado de conservação, pois o governo municipal só lembra da região no tempo das eleições, diferentemente do município alagoano, Palmeira dos Índios.


O LADO NEGATIVO

Infelizmente, ambos os trechos não são sinalizados e para descobrir a existência desses atrativos turísticos nessa região sul da terra de Papacaça, tem que ser perguntando no trecho que se vai percorrer ou levar alguém que conhece. 

ISSO É FATO
Os municípios de Bom Conselho/PE e Palmeira dos Índios/AL, desconhecem a importância dos atrativos, já que na região do povoado Queimadas, tem pelo menos 04 atrativos, sendo, duas cachoeiras, um lago com passeio de canoa e o poço da Nega (caldeirões rochosos) promovidos pela ação do intemperismo, por isso não fazem nenhum esforço para sinalizar os acessos e assim facilitar a presença de turistas.

E nas regiões de Bom Conselho que não tem atrativo turístico nenhum, aí que não tem estrada mesmo!

Já dizia minha vô, "quem tem boca vai a Roma". Basta sair perguntando e boa viagem, mas se precisar de um condutor de turismo, entre em contato conosco. É fácil e rápido.

Postar um comentário

0 Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO