UMA OPOSIÇÃO MINÚSCULA E ISOLADA NÃO SERVE

O movimento de oposição para um governo é até mesmo saudável. Pois isso deixa para quem esta na administração da cidade um estado de alerta. E o governo que for inteligente vai saber usar esse mecanismo para se atentar e ficar cada vez melhor e mais ligado no que acontece em Paulínia.

Mas OPOSIÇÃO deve ser feita com responsabilidade e inteligência. Antes de se fazer o questionamento tem de estudar e pesquisar sobre o assunto que quer apontar. Essa deve ser a primeira coisa levada em consideração. Porque usar a dor de pessoas e acontecimentos frágeis para fomentar oposições aproveitadoras e irresponsáveis. Isso é o que não pode e nem deve acontecer.

Vejamos...
O que vemos em Bom Conselho e nos outros municípios brasileiros, especialmente na região do Nordeste, são representantes do povo, que conseguiram a PROCURAÇÃO para decidir por eles os destinos dos municípios, mas esse mesmo pessoal viraram-se para seu próprio umbigo e esqueceram as necessidades populares e por sua vez, o povo, muitas vezes se omite a cobrar seus direitos.

O que se pode esperar num município que só teve um candidato na disputa? O que esperar de um município onde dos 13 vereadores, apenas 01 vem cumprindo com seu real papel de legislador? O que esperar de um município onde tem 15, 20, 30 vereadores, por exemplo e apenas uma minúscula parcela é que decide defender as causas populares?

Essa é a real situação do nosso Brasil. A cada dia mais o voto de cabresto tem se tornado a tônica do cotidiano. Nesse ano a população brasileira vai ter em mãos mais uma oportunidade de começar a mudar a situação... Mas, isso se quiserem!

Postar um comentário

0 Comentários