CONHEÇA OS SANTUÁRIOS DE PADRE CÍCERO E DE SANTA LUZIA EM SÃO JOSÉ DE PRINCESA/PB - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

domingo, 4 de novembro de 2018

CONHEÇA OS SANTUÁRIOS DE PADRE CÍCERO E DE SANTA LUZIA EM SÃO JOSÉ DE PRINCESA/PB

A saga do Blog do poeta para esse final de semana, foi conhecer a rota da fé no sertão da Paraíba. Por lá, encontramos o santuário de Padre Cícero Romão Batista,  situado as margens da rodovia estadual PB-306 entre os sítios Baixio e Areais, ambos pertencentes ao município de São José de Princesa/PB. 
Diz a história de moradores da região, que um senhor viajava com sua família em um veículo pequeno, era noite e chovia muito, além de não conhecer a estrada que na época era de terra batida, ele perdeu o controle do carro, próximo a uma curva e caiu na ribanceira. 

Quando na época no instante do acidente, ele exclamou, valei-me meu Padim Ciço! Nisso ele se valeu do 'Padim Ciço', pedindo que o salvasse juntamente com todos de sua família. Quando chegaram embaixo do abismo viram que sofreram apenas  escoriações leves e que todos se salvaram. 
Daquele dia em diante, às margens da rodovia,  o local ficou marcado pelo acontecimento do milagre e aquele motorista com poucos dias voltou ao local com todos os que escaparam e outros integrantes da sua família e colocaram ao lado de uma já existente no local, uma imagem de Padre Cícero do Juazeiro. 

Ao lado da casinha de oração tem uma outra rocha em forma de pião que serve de ponto de referência para quem passa pelo local. Diante do ocorrido há quase meio-século, o lugar ficou sendo como ponto de romarias, onde os devotos vão pagar suas promessas e renovarem a fé no padre Cícero Romão Batista, protetor do sertão.

Para essa região do sertão paraibano é comum encontrar nas laterais das rodovias, rochas com cruzes e cruzeiros, símbolos da fé cristã. Quando a cruz não representa algum acidente ocorrido, está toda uma história de devoção do povo que vive na caatinga.

Antes, a estátua de Padre Cícero ficava fora e ao lado da pedra da Fé. Para que a imagem ficasse mais protegida, uma igrejinha com a imagem de Santa Luzia - protetora dos olhos, foi construída e dentro ficou também a imagem do Padim Ciço do Juazeiro.

Na volta, após a visita ao santuário de Padim Ciço na pedra da Fé, paramos na vila da Várzea para saboreamos um delicioso peixe. Do restaurante do Fuscão, fizemos essa imagem maravilhosa, a torre da capela local e ao fundo a serra da Várzea, há poucos quilômetros da cidade de Princesa Isabel, PB.

Essa é a rodovia que interliga os municípios de Princesa Isabel e São José de Princesa, divisa limítrofe com o município de Flores, sertão do Pajeú de Pernambuco. Foi no final dessa reta que houve o acidente e a família escapou após pedir clemência ao Padim Ciço Romão Batista. São José de Princesa é um município brasileiro do estado da Paraíba. Localiza-se a uma altitude de 720 metros. Sua população estimada em 2009 era de 4.756 habitantes. Possui uma área de 158 km².

Com um acabamento todo especial, essa rocha fica justamente no local que o carro após perder o controle bateu e chegou a capotar, e mesmo assim, os ocupantes puderam escapar mediante a fé de devoção ao padre Cicero.

Com o peso que tenho não conseguir subir no pico da pedra do Padre Cícero, mas, o colega blogueiro e grande amigo, Cosmo Queiroz, aventurou-se e pode ter a sensação de liberdade de um carcará. A rocha tem mais ou menos 30 metros de altura.

O também radialista, Carlinhos do Alto, foi mais além, conseguiu ficar no pico da rocha maior, localizada na lateral da casinha de oração de Santa Luzia. Viajar com esses meus amigos da cidade de Flores foi uma grande aventura.

Dona Nena, esposa do colega radialista Carlinhos do Alto, esteve acompanhando os aventureiros e ficou admirada com o local que tornou-se ponto de rota da fé, há poucos quilômetros da cidade de São José de Princesa/PB.

De quinta a domingo, a nossa saga foi conhecer localidades que jamais conhecia. A rota da Fé e do Cangaço, foram os pontos que visitamos entre os estados de Pernambuco e Paraíba. Foram poucos dias, mas de muita intensidade. Vamos estar relatando toda essa experiência vivida numa série de pelo menos 06 postagens a seguir...

No primeiro dia de visita ao sertão da Paraíba, me reuni com os amigos de longas datas, Cosmo, Joãozinho e Carlinhos acompanhado de sua esposa Nena, responsável por esse registro no Bar do Fuscão, na Vila da Várzea em Princesa Isabel/PB. Comemos um delicioso peixe frito acompanhado de um queijo na brasa, e diante do calor, não pode faltar um cerveja bem gelada...

O distrito da Várzea pertence a cidade de Princesa Isabel, um município brasileiro do estado da Paraíba. Segundo a história, Princesa Isabel foi a capital do Território de Princesa e fica numa altitude de 683 metros. Situada no sertão paraibano, à cerca de 420 km de distância da capital do estado, João Pessoa.

Encarando um calor de 40 graus, tivemos a companhia do blogueiro e viajante experiente, Cosmo Queiroz, o homem que só toma cachaça com um copo de água ao lado...

O santuário de Padre Cícero está na divisa das cidade de São José de Princesa e de Princesa Isabel e o lugar mantem-se limpo e bem cuidado pelos esforços do proprietário vizinho ao santuário, o senhor Elias Cordeiro, homem de muita fé em Deus. 

O senhor Elias ultimamente juntamente com moradores da comunidade e das comunidades vizinhas construíram a Capela de Nossa Senhora das Dores no Sítio Cabeça do Porco, outro local de peregrinação e visitações.

A pedra da Fé é uma rocha muito bonita, cravada no meio da caatinga. O lugar é tranquilo para quem deseja fazer uma visitação. O segredo é chegar na cidade de Princesa Isabel, há menos de 05 quilômetros você encontra esse local de fé e devoção.


O município de Princesa Isabel está incluso na área geográfica de abrangência do semiárido brasileiro, definida pelo Ministério da Integração Nacional em 2005. Esta delimitação tem como critérios o índice pluviométrico, o índice de aridez e o risco de seca.  Dados do Departamento de Ciências Atmosféricas, da Universidade Federal de Campina Grande, mostram que Princesa Isabel apresenta um clima com média pluviométrica anual de 836.3 mm e temperatura média anual de 23.3 °C, mas a máxima chega aos 39 graus.


O bar do Fuscão é homenagem ao dono que atende a todos com muito cavalheirismo. Um ambiente familiar, localizado no pé da serra da Várzea, a menos de 03 km da cidade de Princesa Isabel/PB. Se for passar por essa região, não custa nada fazer uma parada estratégica e saborear um delicioso peixe frito.

Bom, essa foi a nossa primeira aventura em terras paraibanas,nas próximas postagens todos conhecerão outros locais turísticos no meio da caatinga no sertão do estado da Paraíba...

ESSA VIAGEM TEVE O PATROCÍNIO DOS SEGUINTES PARCEIROS DO PROJETO POETA  VIAGENS E AVENTURAS









AGUARDEM A PRÓXIMA POSTAGEM!

Nenhum comentário:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE