Gasolina cai 8,9% com efeito ICMS e tem preço médio de R$ 6,49 por litro



Todo o conteúdo do Tribuna do Sertão está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. É proibida a cópia/reprodução deste material em qualquer meio de comunicação sem a devida autorização. Se deseja compartilhar, utilize os meios fornecidos no Tribuna do Sertão.


A redução do ICMS na maioria dos Estados derrubou o preço da gasolina em 8,9% na semana de 3 a 9 de julho, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O preço médio em todo o território nacional passou de R$ 7,13 o litro para R$ 6,49. Já o diesel, que não foi beneficiado pelo estabelecimento de um teto do tributo, teve ligeira queda, de 0,4%.


O preço máximo da gasolina comum foi encontrado em Crateús, no Ceará, a R$ 8,52 o litro, e o mais barato a R$ 5,22 em Macapá, no Amapá. Já o preço médio do óleo diesel caiu de R$ 7,55 o litro para R$ 7,52 de uma semana para outra. O mais caro foi encontrado no Acre, a R$ 8,95 o litro e o mais barato a R$ 5,69, no Balneário Camboriú, em Santa Catarina.


O preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), ou gás de cozinha, permaneceu praticamente estável, com o preço máximo de R$ 160,00 e o mínimo de R$ 84,99. Na média, o botijão de 13 quilos foi comercializado a R$ 112,45, contra R$ 112,34 uma semana antes.


Autor: Denise Luna


Notícia retirada do: https://www.tribunadosertao.com.br/2022/07/anp-gasolina-cai-89-com-efeito-icms-e-tem-preco-medio-de-r-649-por-litro/

Postar um comentário

0 Comentários