TURISMO: NO CUME DA SERRA DO BULANDIM TEM A VEGETAÇÃO DE ALTITUDE - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

segunda-feira, 27 de maio de 2019

TURISMO: NO CUME DA SERRA DO BULANDIM TEM A VEGETAÇÃO DE ALTITUDE

Desse ponto da serra do Bulandim, avista-se a estrada vicinal conhecida por "estrada do Caborge", que da acesso ao distrito de Caldeirões dos Guedes. Nesse local, meu gps marcou 695 metros de altitude. A temperatura às 10 horas da manhã variava entre 25 e 29 graus.

São muitas as plantas nativas existentes no cume da serra do Bulandim, que fica próxima ao centro da cidade. A serra é vista por todos, já que ela está margeando a cidade próxima aos bairros da Cohab e Parmalat.

Bom Conselho no lado sul do município, em especial nas serras, tem vegetação de altitude. Para quem não sabe, "vegetação de altitude" ou vegetação de montanha, reflete o fato de que o clima e a vegetação das áreas montanhosas variam conforme a altitude. 

Essa vegetação que se encontra na zona rural de Bom Conselho, particularmente aparece no Peru, na Bolívia , no Equador, no Chile e na Argentina, regiões que tem montanhas.

As formações vegetais são compostas da seguinte maneira: vegetação complexa e heterogênea (matas ciliares, aguapés, arbustos, plantas rasteiras e árvores de pequeno, médio e grande porte). 

As principais espécies de árvores que compõem as formações vegetais são: aroeira, ipê, angico, mandacaru, palmeiras, figueiras, orquídeas e buriti.

Quem está no cômodo da urbanização não imagina a beleza que é a região serrana de Bom Conselho. Em razão da diversidade climática da Terra, com destaque para a variação da temperatura e umidade, existem coberturas vegetais distintas.

Os principais tipos de vegetação são: deserto, estepe, floresta de coníferas, floresta temperada, floresta tropical, savana, tundra, vegetação de montanha (caso de Bom Conselho) e vegetação mediterrânea.

Fiz questão de fazer várias fotos em muitos ângulos diferentes para mostrar que a natureza que no entorno da cidade de Bom Conselho é para ser preservada, pois somente assim voltaremos a ter chuva constantemente. 

Com essa imagem mostro claramente que a braquiária (parte mais embranqueçada), toma de conta de boa parte da serra do Bulandim,  enquanto que a vegetação mais densa fica tão somente do pé da serra.

Paisagens vegetais. Uma paisagem é derivada quando há um conjunto de fatores naturais e culturais e que se desenvolve juntos. 

Veja aí o início de um formigueiro... Pesquisadores descobriram os bastidores de um formigueiro, como ele é construído e como vivem. O tamanho da toca depende da quantidade de habitantes. 

Paisagens Arbustivas: Esse tipo de paisagem é composta por arbustos espalhados e separados um dos outros, pelo fato de possuir uma vegetação rasteira. 

A braquiária é uma planta forrageira considerada como invasora e planta cultivada, viabilizando muitas áreas do cerrado para produção pecuária. Mas, como o clima de vegetação de altitude é ameno, então ela se da facilmente onde for plantada.

Independente da vegetação, umas espécies do gênero Acromyrmex chegam a ter 175 mil, e os sauveiros até 7 milhões. Além da parte subterrânea, alguns ninhos podem também atingir 1,5 m de altura na superfície. A teoria é que essa protuberância sirva para impedir a entrada de água.

Pelo caminho que você ver na imagem feita por mim, serve para qualquer trilheiro ir até as nascentes do rio Bulandim que estão num vale fechado pela vegetação de altitude.

O agreste pernambucano é inegavelmente uma subdivisão da caatinga, embora haja opiniões em contrário. Sua vegetação atende aos requisitos que caracterizam a caatinga, tais sejam, presença de espécies decíduas em grande número armadas de espinhos, e abundância de Cactáceas e Bromeliáceas. Além disso, muitas das espécies que vegetam no sertão estão igualmente presentes, em larga escala, no agreste.

Por essa imagem está a localização exata das nascentes do rio Bulandim. A mata virgem e de difícil acesso da a oportunidade para qualquer trilheiro conhecer pelo menos umas três nascentes do referido rio que percorre por alguns quilômetros dentro do município de Bom Conselho.

No agreste a vegetação é em regra mais densa que a do sertão, o solo geralmente mais profundo e a pluviosidade mais regular e elevada.

Devido a uma maior densidade demográfica, a devastação das reservas arbóreas é mais intensa e vastas áreas existem atualmente, sem uma única árvore. Apenas algumas serras e brejos conservam um pouco da antiga cobertura.

Estamos fechando mais uma série de reportagem sobre o potencial turístico de Bom Conselho. Valeu apena conhecer o cume da serra do Bulandim. O contato com a natureza sempre é prazeroso. Para chegar a esse lugar, o caminho mais rápido é pelo sítio Sabiá.

POETA%2BVIAGENS%2BE%2BAVENTURA
O meio ambiente é destaque no Blog do Poeta

PATROCÍNIO



Nenhum comentário:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE