BR-424 PASSA POR MELHORIAS E MESMO ASSIM CONTINUA PERIGOSA - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

sexta-feira, 13 de abril de 2018

BR-424 PASSA POR MELHORIAS E MESMO ASSIM CONTINUA PERIGOSA


Mesmo bem sinalizada, a BR-424 que faz ligação das cidades Garanhuns-Arcoverde, devido a quantidade de curvas sinuosas, não deixa de ser perigosa.
Quem sai do agreste meridional e deseja chegar ao sertão do Pajeú ou do São Francisco, passa por esse trecho que recebeu nova camada asfáltica e sinalização horizontal.
Com a reta que você pode visualizar, nesse trecho da BR-424, a velocidade dos veículos ultrapassa os 100 Km/h.
Para quem vai descer a serra de Venturosa deve ter atenção redobrada, já que nessa região existe histórico de acidentes com vítimas fatais.
Nessa região do agreste meridional, você se depara com a chegada da energia eólica, que deu uma nova vida e valorização as terras cheias de pedregulhos.
A BR-424 corta a Serra de Venturosa pelo meio. Nesse trecho não existe acostamento, deixando os veículos na vulnerabilidade de uma acidente.
Quem está seguindo no sentido sertão, tem essa vista privilegiada.
A BR-424, em certos trechos tem acostamento. Entre VENTUROSA e PEDRA, deve-se ter maior cuidado, pois, existe muitos animais soltos às margens da estrada.
Essa vegetação foi registrada às margens da BR-232, próximo a cidade de Cruzeiro do Nordeste, que inclusive, está passando por melhorias em toda a sua camada asfáltica.
Toda essa região está chovida. 
A noite ou de manhãzinha, nesse trecho da BR-424 é comum encontrar forte neblina. Para quem trafega por essa região de Pernambuco, deve ter atenção redobrada.

Nenhum comentário: