CURVA DAS LARANJEIRAS: VAI TER QUE MORRER UM POLÍTICO OU OUTRA AUTORIDADE PARA QUE ALGO SEJA FEITO? - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

sexta-feira, 22 de novembro de 2019

CURVA DAS LARANJEIRAS: VAI TER QUE MORRER UM POLÍTICO OU OUTRA AUTORIDADE PARA QUE ALGO SEJA FEITO?

No mês de agosto de 2016, esse blogueiro fez uma reportagem sobre o abandono das lombadas eletrônicas que foram colocadas no intuito de reduzir a velocidade dos veículos e se evitar acidentes na famosa e perigosa Curva das Laranjeiras.

De lá para cá nada foi mudado. Permanece os acidentes acontecendo e deixando mortos e feridos. Sabe-se que esse trecho faz parte da BR-424, mas não custa nada haver um engajamento de todos para que a situação desse local seja melhorado.

Por que os prefeitos de Bom Conselho, Terezinha, Brejão, Lagoa do Ouro, Correntes e Garanhuns, que usam diretamente essa rodovia, não somam força e exigem que o governo do estado faça um serviço de correção dessa curva  e coloque lombadas eletrônicas como existe na cidade de Terezinha? Por que todos se acovardam, silenciam? 

Quem trafega por esse trecho da BR-424, sabe do perigo que é a curva. Para saber das estatísticas dos acidentes fatais já ocorridos, basta colocar no Google "Curva das Laranjeiras" e imediatamente vão aparecer os links de várias e várias reportagens de acidentes que registraram mortos e feridos.

Na noite dessa última quinta-feira, 21/11, aconteceu mais uma acidente nessa famigerada curva da morte, onde dois caminhões colidiram frontalmente e deixou um morto e outros feridos. 

Será que terá de morrer alguma autoridade na Curva das Laranjeiras para que algo seja feito?

Será que terá de morrer um prefeito, um deputado, sei lá o que para poder alguém do DNIT, governo do estado, etc.,  para se tomar uma iniciativa? 

Quantos pais de família terão de morrer ainda nessa curva?
Afinal, o que ainda estão esperando?

CONFIRA NO LINK ABAIXO A REPORTAGEM QUE FIZ EM 2016


Nenhum comentário:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE