Google vai passar a descontar impostos sobre os ganhos do Adsense no Brasil


Google está informando aos usuários brasileiros que geram receita de publicidade de anunciantes que vão ser cobrados tributos sobre transações locais antes de calcular a repartição dos ganhos entre o criador de conteúdo e a plataforma.

De acordo com o comunicado da empresa, a partir de 1º de abril de 2022, vão ser deduzidos 14% de tributos sobre todas as transações locais nas receitas de publicidade geradas com anunciantes brasileiros dentro dos ambientes do Google.

A plataforma estima que a maioria dos criadores de conteúdo vão ter um impacto negativo de cerca de 10% nos ganhos totais com receita de publicidade. No entanto, o valor exato depende da quantidade da receita gerada com anúncios no Brasil.

Entretanto, a empresa salienta que os tributos são deduzidos apenas sobre as receitas de publicidade geradas por anunciantes brasileiros e não afetam outras fontes de ganhos, como o YouTube Premium, clubes dos canais, super chat e super stickers.

A gigante da tecnologia afirma que a decisão foi tomada pelo fato da legislação do nosso país obrigar o Google Brasil a coletar os tributos sobre transações locais ao prestar serviços de publicidade para anunciantes brasileiros.

No ano passado, o Google também começou a taxar em até 30% as receitas com publicidade vindas de visualizações de usuários nos Estados Unidos para cumprir uma determinação do Internal Revenue Service (IRS), equivalente americano da Receita Federal.

Postar um comentário

0 Comentários