BANZAÊ/BA: A CULTURA, A HISTÓRIA, OS COSTUMES E O TERRITÓRIO INDÍGENA CONTADOS POR EVÂNIO TELES

Para aqueles que vão a cidade de Banzaê e deseja conhecer a história e os atrativos locais, a pessoa mais indicada é o educador e teatrólogo, Evânio Teles, que sabe mais do que ninguém toda a história cultural desse torrão nordestino, distante pouco mais de 300 km da capital Salvador.
 
Foi através da diretora de Cultura e Meio Ambiente da cidade de Banzaê, Daiane, que chegamos a comunidade de Retiro e conhecemos o historiador, educador e teatrólogo, Evânio Teles. Durante o bate-papo, tivemos uma grande aula de história e cultura ao ar livre na região dos índios Kiriris e Tuxás.


A partir que a gente se aproximava da comunidade do Retiro, distante aproximados 05 km do centro da cidade de Banzaê, fomos tendo essa visão...

Na trilha rumo a Serrinha do sítio Circo Velho, olha o presente que ganhamos da natureza, um réptil muito conhecido na caatinga, o Teiú. O gênero de répteis Tupinambis, da família Teiidae, é popularmente conhecido como teiú, tiú, teju açu, lagartiu, teju, tegu, jacuraru, jacuaru, jacuruaru, jacruaru e caruaru.

Antes de começar uma trilha, acordamos cedo para ler um bom livro tendo como fundo musical o canto dos pássaros, como por exemplo, rolinha fogo-pagô, gavião, cabeça-vermelha, sabiá, vim-vim, ararinhas-verdes, etc.

Não tem terapia melhor do que acordar cedo e ter uma leitura sadia e inteligente. Depois da leitura partimos rumo ao município Banzaê, terra dos índios Kiriris e Tuxás. 

As formações geológicas do norte baiano impressionam por toda a beleza natural desde a sua formação. As características são as mesmas na forma de carstificação.

SAIBA MAIS
Cársicocarso ou karst, também conhecido como relevo cárstico ou cársico, é um tipo de relevo geológico caracterizado pela dissolução química (corrosão) das rochas, que leva ao aparecimento de uma série de características físicas, tais como cavernasdolinasvale seco vale cegos, cones cársticos, rios subterrâneos, canhões fluviocársicos, paredões rochosos expostos e lapiás

A pedra Furada é o principal cartão postal da cidade de Banzaê, município de pouco mais de 13 mil habitantes. Todo o relevo de Banzaê é de arenito.

A pedra Furada é um processo geológico a milhões de anos...

Antes de chegar a Banzaê você passa pela comunidade de Curral Falso que pertence ao município de Ribeira de Pombal, que fica as margens da rodovia BA-110.

Por fim, deixo aqui o vídeo para você assistir a entrevista que fizemos com o historiador e teatrólogo, Evânio Teles, uma verdadeira aula de história ao ar livre.






Postar um comentário

0 Comentários