Bottom Article Ad

Governador de Pernambuco comete uma violência contra a liberdade religiosa

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, decretou que só terão acesso a missas e cultos fiéis completamente vacinados ou que apresentarem teste de covid negativo. Para Augusto Nunes, o decreto fere a liberdade religiosa e não passa de outro caso de arbitrariedade ineficaz. O colunista pergunta ainda se a mesma exigência será feita na entrada de casas de shows ou mesmo nas aglomerações do transporte público.

Postar um comentário

0 Comentários