AS BELEZAS NATURAIS DO AGRESTE MERIDIONAL AO SERTÃO DO PAJEÚ - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

segunda-feira, 14 de setembro de 2020

AS BELEZAS NATURAIS DO AGRESTE MERIDIONAL AO SERTÃO DO PAJEÚ

O anoitecer na região serrana de Bom Conselho é simplesmente encantador. Dias atrás vivi essa emoção no cume da serra do Encantado. A temperatura após as 18 horas cai drasticamente.

Reconstruindo minha apacheta, um marco feito para sinalizar oficialmente o cume da serra do Encantado que tem uma variante de 825 a 900 metros de altitude.


No horizonte está a cadeia de serras no município de Triunfo, mas o lajedo que estou fica no município de Princesa Isabel, Paraíba. Na verdade, fui a linha limítrofe dos estados de PE/PB.

Essa apacheta feita pela trilheira L Ferreira, em cima da pedra do Sino ficou sensacional toda sua conjuntura. É importante que cada trilheiro durante suas aventuras possa construir uma apacheta, representação da civilização Inca.

O xique-xique e a lagoa da Pedra do Guiné. Sua formação pode ser arbustiva ou arbórea, chegando a atingir a altura de quatro metros, desenvolvendo-se em solos rasos e pedregosos e apresentando numerosos espinhos, fortes e pontiagudos em suas aréolas. Suas flores são branca e seu fruto, com coloração avermelhada quando maduro, é comestível, saboroso e rico em minerais.


Com o objetivo de preservar e divulgar tal patrimônio, o Parque foi constituído pela prefeitura de Venturosa em torno da Pedra em 1985. Como resultado, o local oferece estacionamento para visitantes, uma modesta lanchonete e um local para camping. Uma trilha formada por 360 degraus conduz o visitante da entrada do Parque até a base da pedra. A partir dali, já é possível apreciar a belíssima vista do entorno, uma das mais bonitas da região do Vale do Ipojuca. 

Os aventureiros, no entanto, podem querer subir ao topo da pedra (são cerca de 50m da base até o topo) e apreciar, com ainda mais intensidade, a vista da região. A subida, no entanto, requer cuidados e deve ser feita com cautela, pois não há itens de segurança disponíveis no lugar. Lá em cima, é possível caminhar pelos cerca de 500m de extensão da parte superior do arco.

A Pedra Furada é um corpo rochoso granítico na forma de um grande arco que, apoiado nas extremidades, no alto de um pequeno morro, se destaca na paisagem e produz um vão livre interno de grandes dimensões. Até o cume são 360 degraus de rochas graníticas.


Para chegar na Pedra Furada vindo de Petrolina (PE), deve-se seguir pela BR-232 até a cidade de Arcoverde (PE) e depois continuar pela BR-424 até Venturosa (PE). Uma outra opção é continuar pela BR-232 até Pesqueira (PE) e depois seguir pela PE-217 até Venturosa (PE). A estrada de terra que leva até o Parque tem cerca de 3km de extensão e inicia na própria PE-217, entre Venturosa e Pesqueira (distante cerca de 4km de Venturosa).

O local é também visitado por adeptos de esportes radicais que praticam, entre outros, o rapel com cordas afixadas no topo da Pedra. Devido à sua proximidade com o Vale do Catimbau, vale a pena considerar incluir também este destino no mesmo passeio. Juntos, a Pedra Furada e o Vale do Catimbau constituem um roteiro com grande apelo para os amantes da natureza no interior de Pernambuco.

Essa é a atual situação que está o lajedo onde ficam as pedras do Guiné e do Sino, no município de Princesa Isabel, sertão da Paraiba.

Nenhum comentário: