O QUE DIZER DE UM ENTARDECER DESSE? OS POEMAS SE INSPIRAM E FALAM - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

O QUE DIZER DE UM ENTARDECER DESSE? OS POEMAS SE INSPIRAM E FALAM

O dia se vai, mas a beleza do por do sol é indescritível. 
O poeta Alberto Caeiro escreveu: 
"É talvez o último dia da minha vida. 
Saudei o sol, levantando a mão direita, 
Mas não o saudei, dizendo-lhe adeus, 
Fiz sinal de gostar de o ver antes: mais nada".

Esse entardecer que fotografei mais uma vez na região da serra das Pias, deixa qualquer um vislumbrado com sua beleza natural. Em uma das suas canções, o cantor Renato Russo antes de falecer, escreveu:
"Mas é claro que o sol
Vai voltar amanhã 
Mais uma vez, eu sei 
Escuridão já vi pior 
De endoidecer gente sã 
Espera que o sol já vem".

Nenhum comentário:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE