PAISAGISMO: A VEGETAÇÃO DE CAATINGA E SUA BELEZA NATURAL - CLÁUDIO ANDRÉ - O POETA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ultimas!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

DISTRIBUIDORA SÃO MARCOS - A Nº 1 DE BOM CONSELHO

domingo, 20 de maio de 2018

PAISAGISMO: A VEGETAÇÃO DE CAATINGA E SUA BELEZA NATURAL

A vegetação de caatinga no período de chuvas deixa o meio ambiente ainda mais bonito.
A Caatinga é uma formação vegetal que podemos encontrar na região do semiárido nordestino. Está presente também nas regiões extremo norte de Minas Gerais e nos estados do Ceará, Bahia, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Alagoas, Sergipe, Maranhão e Piauí.
No Sítio Peri-Peri, zona rural de Venturosa, a vegetação de caatinga está por todos os lados. A caatinga é mais um bioma existente e este é exclusivamente nosso, ou seja, só existe no Brasil em sua grande maioria. A floresta nesta região tem como característica ser meio esbranquiçada, com a tradução ao pé da letra direto do tupi, caatinga quer dizer “Mata Branca”. 
A flora da caatinga é também totalmente adaptada para conseguir sobreviver em um ambiente árido.
A Fauna possui muitas espécies adaptadas, algumas delas até em extinção. O único problema com relação à caatinga é a exploração indevida, o que está acarretando um problema ambiental muito grande, ameaçando a existência do bioma.
Na Caatinga há forte presença de arbustos com galhos retorcidos e com raízes profundas;presença de cactos e bromélias; os arbustos costumam perder, quase totalmente, as folhas em épocas de seca, fazem isso para evitar a evaporação de água; as folhas deste tipo de vegetação são pequenas.
O mandacaru (Cereus Jamacaru) é uma planta cactácea e nativa do Brasil, também é conhecida como cardeiro. É típica da caatinga e nasce em vários lugares, até mesmo nos telhados das casas rurais. Vive tranquilamente em lugares de clima seco e com pouca água, pode chegar a 6 metros de alturas e no lugar das folhas a planta contém espinhos para proteger a planta contra os herbívoros da região. As raízes do mandacaru consegue absorver água contida no lençol freático e o tronco é protegido por uma película grossa para evitar a perda de água.
Intitulado por Euclides da Cunha como a “árvore sagrada do sertão”, o umbuzeiro é também conhecido como imbuzeiro (nome cientifico: Spondias tuberosa). O seu fruto é o umbu ou imbu. A palavra que lhe deu esse nome é o “ymbu”, de origem tupi-guarani, que significa “árvore que dá de beber”, uma referência a sua característica de armazenamento de água, especialmente da raiz, qualidade necessária para sobrevivência nos longos períodos de seca no seu habitat natural, a Caatinga. A planta pode alcançar sete metros, tem tronco curto e copa em forma de guarda-chuva. As flores são brancas, agrupadas, perfumadas, com néctar que é retirado pelas abelhas para se alimentarem e produzirem mel.
O Xiquexique (Pilosocereus gounellei) é um cacto endêmico do semi-árido brasileiro. Seu caule suculento tem uma consistência macia que reserva muita água e é protegido por espinhos fortes. Em secas prolongadas, serve como fonte de alimento tanto para o homem quanto para os animais de criação. É queimado para retirar os espinhos e oferecido ao gado como complemento ou muitas vezes como única fonte de alimento. 
A coroa-de-frade ou cabeça-de-frade é um cacto de forma cilíndrica, com costelas bem acentuadas, com espinhos marrons numerosos, mas curtos e direitos.
À medida que cresce pode tomar a forma de uma pirâmide e na maturidade desenvolve uma cabeça no topo, chamada de cephalium, coberta de espinhos bem pequenos, delgados e vermelhos. Entre os espinhos nascem pequenas flores rosadas ou vermelhas.
Uma piscina natural ao ar livre. Isso encontramos em frente a Casa de Pedra na zona rural do município de Venturosa, agreste meridional de Pernambuco.
O mandacaru que enfrenta altas temperaturas.
A cabeça de frade que pode ser utilizado em casa como amuleto contra os invejosos.
A flor do umbuzeiro deixa ainda mais vistoso. Interessante, que esse pé de umbuzeiro está em cima de uma rocha, lugar que praticamente não oferece vida.


Nenhum comentário:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE